Google
 

terça-feira, 4 de setembro de 2007

Vai um sebo aí?

olá amiguinhos telemáticos (ou não)
Estava a procura de uns livros de programação e por acaso acabei encontrando um site de Sebos, mas que carvalho é esse?
Sebo, no Brasil, se tornou a forma vulgarizada para designar livraria onde se vendem livros usados e raros. O local pode ser também uma banca de jornal, ou simplesmente, um calçadão, ou ainda um endereço na internet. De acordo com Aurelio, Dicionário da Lingua Portuguesa, sebo é a livraria onde se vendem livros usados e tem como equivalente, caga-sebo. Raimundo Magalhães Junior, Dicionário de Provérbios e Curiosidades, segunda edição, Cultrix, 1974, designa não o local, mas o vendedor: 'caga-sebo era, no século passado, o nome que se dava aos vendedores de livros usados. As livrarias em que são vendidos volumes de segunda mão são ainda, hoje, chamadas sebo, mas os vendedores passaram a ser sebistas...'.
Os sebos tornam-se uma uma chance de se encontrar sempre o livro que se procura, e por um preço que se pode pagar. há diversos sites especializados em sebos, alguns beirando cerca de 1 milhão de livros online, dando a opção do leitor cadastrado ter seu espaço para vender seus livros usados para milhares de leitores no Brasil.
O site que eu indico é o da Estante Virtual, sendo um portal com o objetivo de revolucionar a comercialização de livros usados pela Internet, reunindo cerca de 650 sebos e livrarias num so lugar, seria como o Google na busca de livros, so aqui em Fortaleza são cerca de 5 livrarias cadastradas.
Para simples leitores em busca de livros, basta navegar até a busca rápida, entrando com o nome do autor, título ou editora, restringindo ainda a busca por regiões. E para aqueles que desejam vender seus livros, basta preencher um simples cadastro.
Ta querendo um livro? procura um Sebo

5 comentários:

Xisberto disse...

Ótimo post, Nelson! Sebos são sempre uma ótima dica para aquele livro raro demais ou caro demais. Isso de busca on-line vem bem a calhar, embora há quem prefira ficar horas no meio dos livros procurando o livro certo.

Para terem uma idéia, olhem esta comparação: dicionário Langenscheidt na Siciliano e nos sebos cadastrados

Bruno Garcia disse...

Boa dica Nelson! Mas não gosto do termo "sebo", melhor livraria alternativa ou algo do tipo.

Nelson Costa disse...

tmbm acho meio estranho o nome "sebo", principalmente o nome dado aos vendedores de sebos, os "caga-sebos"

Nelson Costa disse...

ótimo exemplo ai do xisberto

victor disse...

Queria agradecer ao nelson por essa ótima dica. Faz uns dez anos q procurava dois livros de literatura que tinha sido lançados uma única vez no brasil nos anos 80 e só fui achar através da dica dele e por um ótimo preço, paguei 15 conto por cada. Só tinha achado na net de 50 conto cada. Entaum é isso. vlw nelson e quando for tocar na mtv me chama. :D